Serração da Estação

Numa viagem com a família ao norte, aproveitei e à vinda para cá passamos num local abandonado diferente dos que publiquei até agora no blog. Trata-se de uma antiga serração abandonada há mais de 20 anos, as máquinas de corte, a afiadora, e até alguns veículos ficaram esquecidos.

O meu avô também teve uma serração, e o meu pai trabalhou nessa serração quando era mais novo, e achei que ele iria achar interessante visitar o local e confirmou-se. Foi portanto uma boa ideia aproveitar a viagem em família para visitar um local abandonado. No final disse-me que o sítio lhe trouxe muitas memórias do passado e conseguiu perceber melhor o motivo porque gosto tantos deste tipo de locais.

São locais com história, sítios que me fazem pensar no passado e nas pessoas que trabalharam ali, onde estarão agora? Infelizmente não consegui saber muito sobre a história deste local. Documentos, cartas ou papéis eram praticamente inexistentes, encontrei apenas um recibo com uma data que me leva a crer que a serração já não funciona à mais de 20 anos.

O local em questão fica ao lado de uma antiga estação de comboios, não sei se na altura em que a serração estava em funcionamento aproveitava o facto de estar ao lado da estação para receber cargas de madeira transportadas pelos comboios, mas faz sentido.

Antes de publicar este artigo fui pesquisar um pouco sobre a localidade, mas não encontrei nenhuma referencia a serração. Acabei por utilizar uma técnica que uso muito quando não consigo obter informações no próprio local, através do facebook encontrei um grupo sobre a localidade, adicionei algumas pessoas e perguntei se sabiam alguma coisa sobre a serração.

Uma delas respondeu-me e indicou que o pai chegou a trabalhar naquela serração. Que o dono da serração faleceu, era uma pessoa de certa idade quando aconteceu e que o negócio (já nessa altura a passar uma má fase), acabou por fechar por falta de interesse dos herdeiros, e o local a partir dai ficou abandonado.

A pessoa em questão contou-me ainda que anos antes de fechar, existiu um acidente grave na serração, onde um dos trabalhadores perdeu uma mão devido a um corte grave provocado por uma das serras. Acredito que outros acidentes devem ter acontecido naquele local, eram outros tempos, obviamente que actualmente ainda existem riscos neste tipo de profissões, mas as instalações e condições de segurança e higiene no trabalho evoluíram bastante nos últimos anos felizmente.

André Ramalho

Sou um apaixonado por fotografia e locais abandonados, e por isso resolvi criar este blog, com o intuito de partilhar os meus registos e aventuras.

4 thoughts on “Serração da Estação”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *