Clássicos Empilhados

Dois carros clássicos empilhados, num terreno junto a uma rotunda no meio do nada. Como ficaram assim? Foi a pergunta que fiz a mim próprio, quando os vi. Embora seja uma “encenação” estranha, é cativante de fotografar e quando estava a fotografar os carros, apareceu um senhor de bicicleta. Como ia passar mesmo ao meu lado, resolvi meter conversa.

Perguntei-lhe se ele sabia porque motivo estavam ali os carros, ao que me respondeu que pertenceram ao Sr. Jorge, um homem conhecido na aldeia, que infelizmente já faleceu. Disse-me que ele tinha comprado os carros para restaurar, mas com o passar dos anos nunca aconteceu e os carros ficaram com demasiada ferrugem.

Numa noite, no café, o Jorge e os amigos estavam a falar dos carros e depois de alguns copos, alguém sugeriu que fosse engraçado empilhar os carros e colocá-los na rotunda, à entrada da aldeia, como forma de decoração. Não foram parar em cima da rotunda, mas foram empilhados e colocados junto à mesma, num terreno que pertencia ao Jorge. Foram colocados em forma de exposição/encenação para as pessoas que fossem a passar.

É uma pena ver estes carros neste estado, mas pelo menos estão a ter alguma utilidade. Não devo ter sido a primeira pessoa, nem devo ser a última, a parar e a tirar fotografias a eles, seja porque acham piada aos carros ou pela posição estranha em que estão.

André Ramalho

Sou um apaixonado por fotografia e locais abandonados, e por isso resolvi criar este blog, com o intuito de partilhar os meus registos e aventuras.

2 thoughts on “Clássicos Empilhados”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.