Locomotiva BA61

A BA61 (Henschel & Sohn Beira Alta 61) é uma locomotiva a vapor, que esteve ao serviço da Companhia dos Caminhos de Ferro, em 1924, percorrendo o eixo entre a Figueira da Foz e Vilar Formoso. Atualmente, a locomotiva encontra-se num barracão sem portas ou vigilância, abandonada há mais de 20 anos devido a um impasse sobre a sua titularidade entre a CP e a Fundação Museu Ferroviário. Agora, apenas restam duas locomotivas a vapor, que pertenceram à Companhia dos Caminhos de Ferro da Beira Alta, a BA101, que está em exposição num edifício de vidro em Vilar Formoso e a BA61, que ficou esquecida.

Em 2012, um grupo de amigos e entusiastas pelos caminhos-de-ferro decidiu avançar com um movimento para assegurar a reabilitação da locomotiva. Foram recolhidas assinaturas, que posteriormente foram entregues à câmara municipal da Pampilhosa, mas o presidente remeteu as culpas da situação para a CP.

A BA61 devia estar num museu e não se percebe porque razão está ali há tanto tempo. 20 anos é muito tempo, é tempo mais que suficiente para terem resolvido o impasse referente à titularidade. Estar assim abandonada e acessível por todos, alvo de atos de vandalização e furtos (roubo de cobre), é um crime à nossa história e ao nosso património ferroviário.

André Ramalho

Sou um apaixonado por fotografia e locais abandonados, e por isso resolvi criar este blog, com o intuito de partilhar os meus registos e aventuras.

1 thought on “Locomotiva BA61”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *