Restaurante “O Moinho”

Não, não ocorreu aqui nenhum homicídio ou coisa que se pareça… Os “salpicos” de sangue nas paredes e o contorno de um corpo no chão são apenas uma brincadeira feita pelas crianças da zona.

Fica num local bastante bonito, passa um rio ao lado e tem um pequeno moinho de água, é uma pena que não seja reaproveitado. O espaço onde está o restaurante pertence aos donos da uma quinta, que fica do outro lado do rio. Inicialmente, o local era um moinho, até que o adaptaram para um restaurante. No entanto, o negócio não correu muito bem, o senhor ficou com dívidas e deixou o negócio, que ficou para um senhor a que chamavam Manuel do Moinho.

O Sr. Manuel do Moinho esteve 10 anos à frente do restaurante, mas quando faleceu, devido a cancro, os filhos dele não conseguiram ficar com o local. Isto porque, tendo sido adaptado de um moinho, não conseguiam ter a licença de restaurante e a ASAE acabou por o fechar. Para poder reabrir, teria de sofrer obras de adaptação, mas os donos da quinta não quiseram obras no local, pelo que ficou fechado, até hoje.

Visitei o local duas vezes, encontrei-o por acaso e ia sem máquina fotográfica, voltei uns meses mais tarde e o local nesse meio termo foi vandalizado. Não é um daqueles locais cheios de objectos, nem uma mansão enorme… é “apenas” um restaurante vazio, mas para mim continua a ser um local interessante na mesma.

Encontrei algumas fotos antigas do local, onde mostra que para além de utilizarem o edifício principal como restaurante, usavam uma “tenda restaurante” no exterior, onde realizavam festas. As fotos que encontrei eram de 2006, mas acho que o restaurante fechou em 2012.

Não conheci o local quando ainda estava aberto… mas se algum dia voltar abrir como restaurante, gostava de lá voltar para almoçar ou jantar e ver o local recuperado e utilizado.

André Ramalho

Sou um apaixonado por fotografia e locais abandonados, e por isso resolvi criar este blog, com o intuito de partilhar os meus registos e aventuras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *